Produtinhos que uso/usei para cuidar de Lola


Vocês já conhecem a Lola, minha filhinha de quatro patas. Quando era bebê, passamos por uma fase difícil, mas guerreira como sempre, Lola venceu essa batalha. 

Acontece que a cadelinha que carregou Lola no ventre não recebeu os cuidados corretos durante a gravidez, o que fez com que sua imunidade baixasse e ela ficasse infestada de ácaros na região das mamas. Quando os bebês nasceram e mamaram, eles ingeriram aqueles ácaros. Isso resulta no seguinte: toda vez que a imunidade da Lola cai, os ácaros naturais da pele de todo cachorrinho triplicam de quantidade (isso não é bom). Esse excesso causa perda de pelo e coceira e, como os cachorros metem os dentes, acaba virando ferida. 

Por essa condição, não posso usar muitos produtos na pele da Lola e tem outros que são meio que obrigatórios. De qualquer forma, vou falar um pouco sobre minha experiência com os produtos que já usei na Lola. São eles: Sabonete Mata Cura, Frontline Spray, Bravecto, Drontal, Pasta Dental Virbac e Removedor de Tártaro Tropiclean*.

* Não usei o Removedor de Tártaro ainda na Lola até porque ela não tem placas significativas. Ele era um produto usado na minha outra cachorrinha e vou contar o efeito que fazia nela!

ATENÇÃO: NÃO UTILIZE NENHUM MEDICAMENTO SEM CONSULTAR UM PROFISSIONAL ESPECIALIZADO. SEU VETERINÁRIO INDICARÁ O MELHOR PARA O CASO DO SEU CACHORRO. ESTA MATÉRIA TEM O INTUITO APENAS DE INFORMAR MARCAS QUE FORAM TESTADAS PELA AUTORA. 


Mata Cura Sabonete Uso Frequente
Mata Cura Sabonete Sarnicida e Anti-Pulgas

Quando Lola estava doente e eu já tinha testado tudo quanto era tipo de sabonete, me falaram sobre esse, mas admito que, de cara, não tive coragem de testar, mesmo estando desesperada. O nome não era muito animador e era um daqueles produtinhos "baratos" de petshop. Depois que Lola estabilizou um pouco mais, no entanto, outra pessoa me indicou - dessa vez uma pessoa de confiança, meu irmão, me dizendo que havia tratado minha sobrinha Laikita com ele. Então, comprei e testei. Pois é, não façam isso normalmente. Eu estava realizando esse tour porque as veterinárias que eu havia procurado na época me indicaram uma injeção que, teoricamente, trata os tais ácaros, mas pode levar à falência do pâncreas ou do fígado, rs. Como eu considerava aquilo assassinato, decidi tentar por outros meios. (E DEU CERTO, QUERIDAS!)

Mata Cura pode ser um nome desanimador, mas ele age rápido e traz resultados bons em poucas lavagens. O sabonete Mata Cura Sarnicida e Anti-Pulgas (novamente, não deixe o nome te assustar) cura qualquer sarna, controla a proliferação de ácaros e resseca qualquer ferida. O cheiro não é bom, mas também não chega a ser ruim. É um sabonete preto. Diz que também mantém afastados pulgas e carrapatos, mas disso já não tenho muita certeza. Eu, pelo menos, não vi vantagens quanto a isso, mas os ácaros da Lola, sem dúvida, foram colocados em seu devido lugar.

Entretanto, é claro, esta não é uma substância para ser usada sempre, então fiquei feliz em descobrir que Mata Cura tem também um sabonete de uso frequente bem cheiroso, com coloração amarelada. Ele é antibacteriano e antisséptico, o que ajuda bastante no controle da oleosidade da pele da Lola e o cheiro é muito gostoso!

Os dois são encontrados em qualquer loja online ou física e o mais caro de ambos que vi era R$ 15,00.

Frontline Spray

Como eu disse, o sabonete que a Lola usava não era o suficiente para manter as pulgas e os carrapatos afastados, então depois de estudar as marcas disponíveis, achei que a Frontline era a mais confiável. Eu só usei o produto em spray, mas sei que tem outros formatos no mercado.

Frontline é para ser usado dois dias antes ou dois dias depois do banho e reforçado a cada 30 dias. Ele também ajuda no controle dos ácaros e o cheiro do remédio passa pouco depois da aplicação. Lola nunca teve nenhum carrapato enquanto usou este produto, mesmo passeando na rua e adorando ficar deitada perto do portão para ver outros cachorros. 

Meu problema com o Frontline foi em relação às pulgas. Por duas vezes, Lola pegou pulgas e mesmo jogando o remédio em cima do bicho, ele não morria. Ou seja, não é exatamente eficaz contra essas malditinhas. Além disso, como o uso dele é dermatológico, tem que ficar bem atento para não passar em machucados, mucosas ou em cachorros que tenham alergia.

Também pode ser encontrado facilmente em lojas físicas e online e o seu preço varia com o tamanho do frasco. Eu uso o maior porque acho mais vantajoso e mais prático. O menorzinho da imagem está custando de R$ 40,00 a R$ 70,00, enquanto o maiorzinho está custando entre R$ 75,00 e R$ 100,00.
Bravecto 250 mg (para cachorros de 4,5 kg a 10 kg

Então, nessas duas vezes, interrompi o uso de Fronline e usei Bravecto. Vamos lá: não gosto de usar Bravecto. Ele é um remédio que se processa no fígado e é uma bomba, porque a duração é de 3 meses (sim, esse tempo é bem adequado à minha experiência). Usá-lo é a última medida que tomo quando o Frontline ou minha limpeza não resolvem e isso porque até então não entendia muito bem sobre o assunto e não conhecia outro remédio para pôr no lugar. 

Ele é rápido e eficaz, sem dúvida, mas sempre pode ocorrer complicações com esse tipo de remédio de dosagem alta. Se puder evitar, tanto melhor. Cachorros de 4,5 kg a 10 kg só podem usar esse Bravecto de 250 mg. Respeitar a dosagem É IMPRESCINDÍVEL porque doses maiores do que a recomendada podem intoxicar seu cachorrinho.

Assim que o efeito de Bravecto passar, tentarei o NexGard, que tem um funcionamento semelhante ao Bravecto - que já vi ser muito eficiente -, mas a posologia é menor. A duração é de um mês. Acredito que seja menos agressivo. E mesmo tendo que comprar uma unidade por mês, acaba saindo mais barato que o outro. Enquanto o Bravecto custa, em média, de R$ 170,00 a R$ 210,00, o NexGard (3 unidades, que é o mesmo tempo de duração do outro remédio) fica entre R$ 130,00 e R$ 160,00.


Drontal Plus Sabor Carne - 2 comprimidos de 776,5 mg
O Drontal é o melhor vermífugo que já usei. Ele tem acompanhado a Lola desde a fase inicial de sua vida (quatro das seis primeiras doses e uma vez a cada seis meses desde então). A dosagem é de acordo com o peso do cão e é preciso respeitar isso porque além de ter possibilidade de intoxicação por dose acima da necessária, há a possibilidade de total ineficácia em dose abaixo da necessária.

A Lola está pesando atualmente 9 quilos e usa o Drontal de 2 comprimidos de 776,5 mg. O primeiro comprimido é dado no dia em que completa seis meses desde a última dose. O segundo comprimido é dado quinze dias depois disso para reforço.

Pasta Dental Virbac
Foi a primeira pastinha da Lola e a uso até hoje. Ela aaaaama! Se eu deixar, ela lambe a pasta toda. Tem cheiro de carne, então suponho que também tenha gosto. Ela não faz espuma e não precisa enxaguar depois de usar. Uma pequena quantidade limpa a boca toda da Lola e trata firmemente o tártaro e o mau hálito.

A marca Virbac tem uma boa crítica do mercado, apesar de um ou outro produto receber umas alfinetas básicas. Apesar de ser pequena e cara, ela vale a pena e tem excelente durabilidade. Você encontra em qualquer loja online (nunca vi em loja física perto da minha casa, mas pode ter perto da sua!) por, em média, R$ 70,00 a R$ 100,00. 

Removedor de Tártaro Tropiclean

Este produtinho é uma pasta de dente mais especial. Ele é o Mike Tyson do tártaro. Todo mundo sabe que cachorros, por mais que só comam ração e sejam limpinhos e bem cuidados, tem tendência a desenvolver tártaro. A pasta Virbac ajuda na prevenção, mas depois que as placas mais grossas e mais escuras se formam, naturalmente, uma pasta de uso cotidiano não vai ter tanta eficácia. E é aí que entra o Removedor de Tártaro Tropiclean.

Ele vai agir diretamente nas placas de tártaro, clareando-a até chegar a um ponto que a pasta de dente normal do seu cachorro poderá tratar. Devido ao seu preço e à sua ação, não aconselho a comprar para cachorros novos ou que tenham um bom estado dentário. Isso é mais para dentes que precisam de uma atenção diferenciada.

Minha querida sobrinha Laika tinha grossas placas de tártaro. O hálito dela ficava horrível por conta disso. Mas toda vez que ela utilizava esse removedor, todo mundo reparava uma melhora significativa. Não é que sumisse tudo de vez, não é mágica, mas melhorava consideravelmente. Suas placas eram amarelas bem escuras e chegaram a ficar de um amarelo claro.


Além disso, Lola é grande amiga do sabonete de coco (ótimo sabão neutro para cachorros, fora que deixa o pelo bem brilhante), do cotonete, do cortador de unhas especializado para cachorro, da lixa de unha e da violeta genciana (para alergias ou machucadinhos).

Lembrando que este é um post de experiências para que vocês possam se sentir mais à vontade de apresentar opções ao seu veterinário. NUNCA realizem nenhum procedimento com seu cachorro antes de receber indicações e treinamento para isso. A segurança do seu peludo é TUDO!

Qualquer dúvida, comentem! Até a próxima!

Comente com o Facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

 
Blog © Desenvolvido por Gabi Mello e Liliana Lacerda
voltar para o topo